Portal do Governo Brasileiro

Direitos Humanos: Cidadania, Diversidade e Movimentos Sociais

Contexto do Projeto

Muito respeitados no plano teórico, os Direitos Humanos padecem do mal do desrespeito e da constante violação de seus conteúdos no cotidiano dos mais variados lugares e das variadas relações humanas. Direitos Humanos não são intrínsecos às populações e seus modos de viver, e por isso é necessário construir uma cultura de respeito a tais direitos pontuando a universalidade, indivisibilidade e interdependência entre todas as esferas da vida. Tal construção é indispensável para o alcance da justiça social.
Executar e tornar real a cultura dos direitos humanos através da aproximação com a população, afirmar sua cidadania e dignidade é, além de um dos deveres do Estado brasileiro, também uma das funções da universidade e intenção deste projeto.
Na tentativa de construir uma sociedade onde a diversidade seja vista como uma característica positiva de uma população plural, atentando para a função social das Instituições de Ensino Superior nacionais, especialmente no âmbito da extensão, a Universidade Federal de Santa Maria formula a presente proposta.
Trata-se de uma ação inédita do Núcleo de Cidadania e Direitos Humanos, vinculado à coordenadoria de eventos e difusão cultural, desta Universidade, de caráter singular no âmbito das atividades de extensão, tendo em vista a ausência de propostas de projetos de extensão neste eixo nos editais do PROEXT, FIEX. Desse modo, o projeto busca estabelecer novas discussões para a extensão na UFSM e ampliação do debate temático na área de DH estimulando a participação de docentes, estudantes, técnicos administrativos e comunidades em geral.

Plano Gestão

Objetivos:
1.1 - Promover o desenvolvimento da sociedade de modo inovador e sustentável
1.3 - Valorizar a diversidade cultural
2.1 - Fortalecer a imagem da UFSM frente às partes interessadas
2.2 - Construir e difundir conhecimento de valor para a sociedade
2.3 - Formar cidadãos capazes de transformar a realidade social
3.1 - Intensificar atividades integradas de ensino, pesquisa e extensão socialmente relevantes
3.2 - Fortalecer a comunicação institucional

Linha e Ação

Eixo 2 - Inclusão, acesso e acessibilidade, cooperação e inserção social: Apoiar e propor práticas voltadas ao atendimento das necessidades sociais relacionadas à área temática de Direitos Humanos, definida pela Política de Extensão.
Eixo 3 - Qualificação das atividades acadêmicas: Manter a adequação das linhas de extensão aos interesses da sociedade e do mundo do trabalho; Estimular a extensão universitária como parte da formação dos alunos, em todos os níveis e modalidades de ensino; e, Buscar a consolidação dos núcleos institucionais de extensão.

Objetivo

 
Promover cidadania e a cultura de Direitos Humanos tendo como aspectos básicos a universalidade, interdependência e indivisibilidade dos direitos, através de ações que considerem a vida nas suas diferentes dimensões (econômica, social, política, cultural, ambiental, afetiva e cognitiva), abordadas de maneira transversal, interdependente e transdisciplinar. As ações contemplarão a apropriação do conhecimento, a formação, a pesquisa, a intervenção e a articulação junto às políticas públicas, movimentos sociais e sociedade civil organizada, a fim de enfrentar algumas das expressões da questão social no contexto local, regional e nacional.

Benefícios Esperados

• Articular-se junto à rede de atendimento de Santa Maria e aos movimentos sociais, para que se possa conhecer e acompanhar as demandas na área de direitos humanos;
• Estruturar e consolidar o Núcleo de Cidadania e Direitos Humanos da Pró-reitoria de Extensão;
• Fomentar a extensão na área de direitos humanos, buscando o envolvimento dos docentes e estudantes nesse âmbito de atuação;
• Respeito à diversidade e a pluralidade cultural em todos os âmbitos da universidade;
• Ampliação do exercício da cidadania através do acesso aos direitos básicos da pessoa humana.

Exec. Orçamentária

2016 - Acesse aqui.

2017 (até março) - Acesse aqui.